Oeste Notícias

A Região Oeste em Notícia

Humor (Anedotas)

Gato Fedorento (Videos YouTube) – clique na imagem

Numa estação de comboios estavam 3 Sportinguistas e 3 Benfiquistas para apanharem um comboio para um jogo de futebol.A seguir foram os três Benfiquistas até à bilheteira e compraram só um bilhete.Os Sportinguistas ficam espantados e perguntam:- Como é que vocês são três e só compram um bilhete? Vocês não têm hipótese de fazer a viagem e passar o mesmo bilhete para os três!.. – Não se preocupem que vocês vão ver. – respondem os BenfiquistasMal entram no combóio os três Benfiquistas dirigem-se à casa de banho e apertam-se lá dentro o melhor possível de maneira a fechar a porta.Quando vem o Revisor, pica os bilhetes dos Sportinguistas, vê a luz da casa de banho acesa, bate a porta e diz:- BILHETE, por favor!!!A porta abre-se só com uma frinchinha, através da qual sai uma mão com o bilhete. O Revisor agradece e segue.Os Sportinguistas acham a ideia fantástica:-Temos que fazer esta cena no regresso, os Benfiquistas são uns génios!…No dia do regresso os três Sportinguistas compram um só bilhete mas os Benfiquistas não compram nenhum. – Como é que vocês vão viajar sem bilhete? É impossível!!! – Vocês vão ver, está tudo sob controle – retrucam os Benfiquistas.Quando entram no combóio, os Sportinguistas espremem-se todos para dentro de uma casa de banho e fecham a porta. Os Benfiquistas fazem o mesmo na casa de banho ao lado. Passado um minuto, sai um dos Benfiquistas, bate à porta da casa de banho dos Sportinguistas e diz:- BILHETE, por favor!..
Sábado, como de costume, levantei-me cedo, coloquei os meus agasalhos,
vesti-me silenciosamente, tomei o meu café e até passeei com o cão.Em seguida, fui até a garagem e engatei o barco de pesca no meu 4×4. De repente, começou a chover torrencialmente. Havia até neve misturadacom a chuva, ventos a mais de 80 km/h. Liguei o rádio e ouvi que o tempo seria chuvoso durante todo aquele dia.Voltei imediatamente para casa, silenciosamente tirei minha roupa edeslizei rapidamente para debaixo dos cobertores.Afaguei as costas da minha mulher suavemente e sussurrei: “O tempo lá fora está terrível”.Ela, ainda meio adormecida, respondeu:
“Acreditas que o idiota do meu marido foi pescar com este tempo?”Um sujeito trabalhava há anos numa fábrica de conservas e um dia, confessou à mulher que estava possuido por um terrivel desejo; a vontade incontrolável de colocar o pénis na cortadora de pickles.Espantada, a mulher sugeriu que ele procurasse um psicólogo, e o marido prometeu que iria pensar no assunto. O tempo foi passando, até que um certo dia, ele chegou a casa cabisbaixo, profundamente abatido:- “O que aconteceu amor?”- “Lembras-te do meu desejo de enfiar o pénis na cortadora de pickles?”- “Oh não!” – gritou a mulher-” Fizeste isso?!?”- “Sim fiz!”- “Meu Deus, o que aconteceu?”- “Fui despedido…”- “Mas, e… humm…. a… a cortadora de pickles…?”- “Aahh, a Manuela! Tambem foi despedida!”

Na “Casa de Meninas”, ouve-se bater à porta. A “Madame” vai abrir e depara com um velhote, vestido com roupa modesta.-“Diga?”, pergunta ela.- “Eu quero a Natália!”, responde o velhote.- “Caro senhor, a Natália é uma de nossas ‘meninas’ mais caras. Talvez eu lhe possa apresentar alguma outra…”.- “Não!!! Eu quero a Natália!”, insiste o velhote.Então, aparece a Natália, um espectáculo de mulher, em saltos altos, corpete, meias e cinto de ligas, e diz ao velhote que o preço é de 500 euros por visita de uma hora.O velhote nem pisca e, tirando o dinheiro da carteira, diz que não há problema.Então, ela leva-o para o quarto, e a hora seguinte foi inesquecível para ele, com sexo louco como nunca tinha tido.Na noite seguinte, o velhote aparece novamente e chama pela Natália.Ela, intrigada, diz que nenhum seu cliente a visitou duas noites seguidas e que ela não faria nenhum desconto pela fidelidade.O velhote tira mais 5 notas de 100 euros e entrega-as à rapariga, que o leva para o quarto onde a sessão se repete, ainda melhor que na noite anterior.Na noite seguinte, ninguém acredita: Mais uma vez o velhote entrega o dinheiro à moça, e tornam a ir para o quarto. Depois de mais uma hora de “sexo intenso”, Natália não resiste e pergunta-lhe:- “Ninguém usou os meus serviços três noites seguidas porque sou a melhor da casa e levo muito caro. De onde é o senhor?”- “Sou de Cuba, no Alentejo!”, responde o velhote.- “Sério? Eu tenho uma irmã que mora em Cuba!” – responde ela, admirada com a coincidência.- “Eu sei. Foi ela que me pediu para lhe entregar os 1500 euros que a Natália lhe tinha emprestado.” – responde o velhote, com ar maroto.

Segredos para um casamento feliz:
1. – é importante encontrar uma mulher que cozinhe e limpe.
2. – é importante encontrar uma mulher que ganhe muito dinheiro
3. – é importante encontrar uma mulher que goste de sexo.
4. – é muito importante que essas três mulheres nunca se encontrem.

Era uma vez um homem que tinha passado toda a sua vida a trabalhar e que poupara todos os centavos que havia ganho. Era realmente muito forreta no que tocava ao seu dinheiro. Mesmo antes de morrer, disse à mulher: – Ouve-me bem! Quanto morrer, quero que pegues em todo o meu dinheiro e o coloques no caixão junto comigo. Quero levar todo o meu dinheiro para a minha próxima encarnação.Dito isto, obrigou a mulher a prometer, que quando morresse ela colocaria todo o seu dinheiro dentro do caixão junto dele. Um dia o homem morre. Foi colocado dentro do caixão, enquanto a mulher se mantinha sentada a seu lado, toda de preto, acompanhada pelos amigos mais chegados. Quando terminaram a cerimónia e mesmo antes de o padre se preparar para fechar o caixão, a mulher disse:- Só um minuto! – Tinha uma caixa de sapatos com ela. Aproximou-se e colocou-a dentro do caixão, juntamente com o corpo.Um amigo disse-lhe:- Espero que não tenhas sido doida o suficiente para meteres todo aquele dinheiro dentro do caixão! Ela respondeu:- Claro que sim. Prometi-lhe que colocaria aquele dinheiro junto dele e foi exactamente o que fiz.- Estás-me a dizer que puseste todos os centavos que ele tinha dento do caixão com ele?- Claro que sim! – respondeu a mulher – Juntei todo o seu dinheiro, depositei-o na minha conta e passei-lhe um cheque.

Um pai passeava com a sua filha quando vê um burro deitado com a pila de fora e pergunta ao pai:- Pai o que se passa com aquele burro?- Aquele burro está doente, minha filha.- Está bem, diz a menina conformada.No dia seguinte a menina passa pelo mesmo burro desta vez acompanhada pela mãe e diz toda confiante:- Ó mamã aquele burrito está doente!!- Quem te disse tal coisa?- Foi o papá.Diz a mãe:- Tomara o teu pai ter metade daquela doença minha filha!!

Coisas cruéis que uma mulher pode dizer a um homem nu…
01. Já fumei charros mais grossos que isso.
02. Ahhhh, tão gira.
03. Era melhor ficarmos pelos beijinhos.
04. Sabes, há cirurgia correctiva para isso.
05. Fá-la dançar.
06. Posso pintar-lhe um smiley?
07. Uau, e os teus pés são tão grandes.
08. Não faz mal, podemos ser criativos.
09. E guincha se eu a apertar?
10. Oh não… Uma enxaqueca…
11. (risinho e apontar)
12. Posso ser sincera contigo?
13. Tão querido, trouxeste incenso.
14. Isto explica o teu carro.
15. Talvez cresça se o regarmos.
16. Por que me terão os deuses castigado?
17. Pelo menos isto não vai durar muito.
18. Nunca tinha visto um assim.
19. Mas funciona na mesma, certo?
20. Parece ter tão pouco uso…
21. Talvez fique mais favorecida com luz natural.
22. E se passássemos já para os cigarros?
23. Estás com frio?
24. Se me embebedares a valer primeiro…
25. Isso é uma ilusão de óptica?
26. O que é isso?
27. Ainda bem que tens outros talentos.
28. E traz bomba de ar?
29. Então é por isto que se devem avaliar os homens pela sua personalidade…

O marido liga para casa a meio da tarde:- Olá, minha rainha! Como está o teu dia?- Tudo óptimo.- Que bom! E as crianças estão bem?- A brincar sem parar, não te preocupes.- Óptimo, perfeito! Elas já almoçaram? Alimentaram-se bem?- Sim! Comeram muito bem! Já fizeram os trabalhos de casa e agora estão a brincar.- Que bom! conta-me, minha linda, o que vai ser o jantar hoje?- O teu prato preferido e já meti cerveja no frigorifico…- Uau! Bife à milanesa e cerveja! É por isso que eu te adoro tanto! Bom…está tudo tranquilo em casa, então?- Fica tranquilo que está tudo bem.- Ah, mais uma coisinha: Tu prometes que, hoje à noite, vais usar aquele babydoll preto para mim?- Faço tudo para te agradar… E não vou esquecer o perfume que tu mais gostas!- Obrigado meu amor! É por isso te amo tanto…- Eu sei, eu sei…- Daqui a pouco estou contigo meu amor?- Vou ficar ansiosa à espera…- Agora faz-me um outro favor……..chama-me a patroa, sim?

Duas distintas senhoras encontram-se após um bom tempo sem se ver.Uma pergunta à outra:- Como vão seus dois filhos… A Rosa e o Francisco?- Ah querida… a Rosa minha filha, casou-se muito bem. Tem um marido maravilhoso. Acredita que ele levanta de madrugada para trocar as fraldas do meu neto, faz o café da manhã, lava as louças e ajuda na faxina, só depois então vai para o emprego. Benza Deus aquele meu genro.- Ah amiga…que óptimo! E o seu filho, o Francisco? Casou também?- Casou sim, querida. Mas tadinho deu muito azar. Casou-se muito mal… Acredita que ele tem que levantar de madrugada para trocar as fraldas do meu neto, fazer o café da manhã, ainda tem que lavar a louça e ainda ajuda na faxina. E depois de tudo isso ainda sai para trabalhar, para sustentar a preguiçosa da minha nora – aquela porca !!!

O bêbado, na paragem da camionete, olha para uma mulher e diz:- Tu és feia!A mulher não diz nada. E o bêbado insiste:- Tu és mesmo muita feia!A mulher finge que não ouve. E o bêbado tornou a dizer:- Tu és feia, mesmo mesmo feia!A mulher não se aguenta e diz:- E tu és um bêbado!- É, mas amanhã eu melhoro…

O bêbado chega a casa cambaleando. Mal encontra a porta. Entra, dá uma mijada e fala com a mulher que estava no quarto:- Querida, acho que a nossa casa-de-banho está assombrada.- Porquê, querido? — pergunta a mulher.- É que quando eu abria porta, a luz acendeu-se sozinha. Depois, quando a fechei, ela apagou-se. Deve ter alguma assombração!- Oh não!!! Mijaste no frigorífico de novo!!!!

Duas amigas caídas de bêbedas e aflitas para fazer xixi, vão faze-lo no cemitério. Uma limpou-se á cuequinha e a outra como não tinha limpou-se a uma fita de uma coroa de flores que estava perto No dia seguinte um dos maridos ligou ao outro:- A minha mulher chegou bêbeda e sem cuecas a casa e eu acabei o casamento! Diz o outro: – Eu também separei-me! A minha trazia uma fita presa no cu que dizia: ”Jamais te esqueceremos. Carlos, Tiago, Pedro e todo o pessoal da faculdade.”

No outro dia fui a uma despedida de solteiro de um grande amigo meu.Quando voltava para casa, fui mandado parar pela BT à entrada da cidade…Ora eu estava num estado lastimável, quase caí ao sair de dentro do carro e vi três polícias a pedirem-me para soprar o balão…Só que, felizmente, do outro lado da estrada há um camião que sobe a divisória e capota espalhando um carregamento de tijolos pela estrada toda.Vendo isto os policias começam a correr em direcção ao sinistro e mandam-me embora. E eu lá peguei no carro e fui todo contente (grande sorte!!!).No dia seguinte a minha mãe acorda-me e pergunta:- Escuta lá! O que é que faz um carro da brigada de trânsito na nossa garagem?????

O sujeito vai ao médico, a cair de bêbedo. Durante a consulta, vêm as perguntas rotineiras:- Nome? – pergunta-lhe o médico.- Manuel dos Santos! – Idade? – 32 anos. – O senhor bebe? – Bem, vou aceitar um copinho, para lhe fazer companhia!…

Um sujeito foi ao médico de família, com o testículo esquerdo inchado e dormente. O médico disse que era uma inflamação testicular, que não era nada grave etc., mas que ele procurasse um especialista.E deu-lhe o telefone de um colega UROLOGISTA, mas, na hora, enganou-se no número e deu-lhe o de um ADVOGADO.O tipo marcou a consulta e na hora lá estava diante do advogado,achando que era o médico:- Em que o posso ajudar, ora diga?O nosso amigo baixou as calças e mostrou:- Como o senhor está vendo, doutor, estou com uma inflamação no testículo esquerdo.O advogado ficou olhando a cena sem entender absolutamente nada. Pensou… pensou… pensou e disse:- Mas, meu amigo, a minha especialidade é o Direito…

Um Suíço, à procura de orientação nas direcções a tomar, encosta o carro, onde dois alentejanos estão à espera.- Entschuldigung, koennen Sie Deutsch sprechen? – perguntou.Os dois portugueses ficaram a olhar para ele…- Excusez-moi, parlez vous Français? – tentou ele.Os dois continuaram a olhar para ele impávidos e serenos.- Parlare Italiano?Continuaram calados.- Hablan ustedes Español?Nenhuma resposta- Do you speak English?Ainda nada.Angustiado, o Suíço desiste e vai-se embora!!O primeiro Português vira-se para o segundo e diz:- Sabis, talvez devéssemos aprender uma língua estrangêra.- Para queí? – pergunta o outro – Aquele sabia cinco línguas e nã le serviu de nada…

Um alentejano vai a um concurso de televisão e o apresentador pergunta: – Como se chamam os habitantes de Évora? Após 4 minutos de silêncio, o alentejano responde: – Porra, todos, todos na sei……..

Três amigas alentejanas estavam na conversa, quando uma delas comenta com a outra sobre as suas relações sexuais com o marido:- Nunca te aconteceu, quando fazes amor com o Carlos, tocares nos tomates dele e estarem frios?A outra responde:- Sim, sempre que nós fazemos amor eu percebo que estão frios.- E tu, quando o fazes com o Rafael?- Sim, estão sempre frios! Responde a outra.Nisto, diz a loira alentejana:- Bom, nunca parei para reparar nesse detalhe mas, esta noite, quando estiver com o Manuel, vou tocá-los para ver.- Tá bom, então amanhã contas como é! – Dizem as outras.No dia seguinte, a loira alentejana aparece toda cheia de hematomas, os olhos roxos e sem alguns dentes.As amigas ficam surpreendidas, perguntam o que foi que aconteceu e a loira alentejana responde muito nervosa:- Isto é tudo culpa vossa!- Mas porquê ? perguntaram as outras.- Porque quando toquei nos tomates do Maneli disse: “Ai Maneli, porque é que tu nã tens os tomates frios como os do Carlos e os do Rafaeli?”…

Uma pesquisadora do IFADAP bate a uma porta num montezinho perdido no interior do Alentejo e pergunta ao agricultor…- Esta terra dá trigo?- Nassenhora – responde o alentejano.- Dá batata?- Tamém não!- Dá feijao?- Nunca deuumm!- Arroz?- De manera nenhuma!- Milho?- Tá a gozar comigo?!- Quer dizer que por aqui não adianta plantar nada?- Ah! Se plantar já é diferente…

Uma loura ia a andar pela rua quando chega um fulano se aproxima dela e diz:- Quero possuir-te agora mesmo! Deixo cair 100 € ao chão e no tempo que demoras a apanhá-los, despacho o serviço por trás. Não custa nada…A loura pensou um bocadinho e resolveu telefonar a uma amiga para lhe pedir a opinião:- Ouve, quando ele deixar cair a nota, de certeza que a consegues apanhar antes que ele consiga fazer alguma coisa?… Aceita e depois liga-me e conta-me o que se passou…Uma hora depois a loura liga-lhe e a amiga pergunta:- Então? Que se passou?- O gajo tinha 100 €… em moedas de 1 cêntimos!!!

Um cego entra num bar de lésbicas, senta-se ao balcão e pede uma bebida ao barman.A bebida chega e, passado um bocado, o cego grita:-Vou contar uma anedota de loiras!Diz-lhe a mulher que estava sentada ao seu lado:- Já que você é cego, devo avisá-lo acerca de 5 coisas antes que conte a anedota:1ª – O barman é uma mulher loira.2ª – O gerente é uma mulher loira.3ª – Eu sou uma loira de 1, 75m e 90kg.4ª – A mulher ao meu lado é uma loira, profissional em Karaté.5ª – Do seu outro lado, está uma loira, professora de Kung Fú.- Ainda quer contar a anedota????E o cego responde: – Não… deixe lá… se eu vou ter que explicar a anedota 5 vezes, desisto já!

Uma loira está no carro com o namorado, num namoro desenfreado.Beijo puxa beijo e, a certa altura, pergunta-lhe o namorado, com grande sofreguidão:- Não queres ir para o banco de trás? – Para o banco de trás? Não. – responde ela.O namoro lá continua, mais beijo, mais festa, mais aperto, mais amasso,e volta ele a perguntar, ainda com mais vontade:- Não queres mesmo ir para o banco de trás? – Não, não quero. – responde ela, novamente.O pobre rapaz já meio desnorteado, lá continua no beija-beija,esfrega-esfrega até que, já desesperado, volta a insistir:- Vá lá! Tens a certeza de que não queres ir para o banco de trás? – Mas que coisa! Já te disse que não! Claro que não! – responde ela, já irritada.E ele, desesperadíssimo:- Então, mas porquê?- Porque prefiro ficar aqui ao pé de ti! – responde ela, suspirando.

Uma loira acorda, chega ao quintal e depara com um pinguim.Ao mesmo tempo, olha para o lado, vê o seu vizinho e diz:- Já viu o que está aqui? Um pinguim! O que é que eu faço?O vizinho responde:- Não sei! Olhe, leve-o ao Jardim Zoológico.No dia seguinte, o vizinho olha para a casa da loira e vê-a a sair com o Pinguim preso com uma coleira e pergunta:- Então, levou o pinguim ao Jardim Zoológico?E a loira…- Sim, sim e gostou muito! Hoje vai ao Parque das Nações.

Um grupo de amigos está a contar anedotas. Um deles anuncia: – Pessoal, tenho umas anedotas fresquinhas sobre Alentejanos! Responde uma das pessoas do grupo: – Antes de continuares, aviso-te, eu sou Alentejano! E o outro responde: – OK, esta bem, eu conto-as devagar…

Uma loura estava a ter lições de golfe, estava a sair-se muito mal e continuava a mandar a bola para as árvores ou apenas batia na relva com o taco; o instrutor estava já desesperado e finalmente disse: “Acho que o problema é com o seu ‘grip’ no taco, devia agarrá-lo mais levemente e gentilmente, imagine que o taco é o coiso de um homem.” A loura pensou nisto por um instante, pegou no taco e deu na bola de golfe, esta voou lindamente até ao green e rolou até ao buraco. O instrutor ficou petrificado e exclamou: “Essa foi uma tacada genial! Agora, da próxima vez, agarre no taco com as mãos e não com a boca.”

– A minha primeira mulher morreu por ter comido cogumelos venenosos, coitadinha… – Oh, que horror! E a segunda? – A segunda morreu com uma pancada na cabeça. – Ah!… Como foi isso? – Não queria comer os cogumelos…

Um tipo vai a uma pensão de 3ª categoria e pergunta o preço dos quartos. – Temos duas variedades – diz o recepcionista – a primeira custa 20 euros por noite e fazemos-lhe a cama; na segunda, paga apenas 5 euros, mas tem de ser o senhor a fazê-la. – Olhe, pela diferença de preços, eu opto pela segunda, pois não me importo de fazer a cama. – Como queira! MARIA, traz as tábuas e os pregos

Há um tipo que entra num café com uma grande vontade para fazer chichi. Desaperta a portinhola, põe o pirilau de fora, e dirige-se distraidamente para a casa de banho das senhoras. Diz-lhe então o empregado: – Psst, …ó amigo, isso que está aí é para as senhoras! – Não! Havia de ser para ti!…

Num cruzamento encontram-se 4 veículos: 1 pénis, 1 vibrador, 1 vassoura e 2 tomates. Quem tem prioridade? – O vibrador! Porque é um veículo motorizado.

– Maria! O talhante tinha pés de porco? -Minha senhora, como é que quer que eu saiba, o homem não atende os clientes descalço!

Entra uma mulher numa farmácia e diz: – Sr. Farmacêutico, dê-me uma compressa. – Se fosse devagarinho até lhe dava duas!

Na escola: – Que sabes tu dos químicos do Século XVII, meu menino? – Bem … Sei … Sei … Que estão todos mortos ?!?

– A minha mulher fugiu com o meu melhor amigo. Diz o outro: – Com quem? – Sei lá. Só sei que agora é o meu melhor amigo.

Uma senhora foi mordida por um cão e foi ao médico. No consultório pergunta-lhe o médico: – A senhora já levou alguma contra o tétano? – Bem, contra a parede já levei muitas, mas contra o tecto nunca levei nenhuma!

Um cigano, que andava cheio de fome, acabara de roubar duas galinhas. Levou-as para a beira de um rio, depenou-as e fez uma fogueira para as assar. Nisto passa um polícia e o cigano, atrapalhado, atira as galinhas para o rio. O polícia dirige-se a ele e pergunta: – Ó cigano! Andaram a roubar umas galinhas por estes lados. Sabes alguma coisa sobre isso? – Não, seu guarda! Eu num sei nada! O polícia olha para a fogueira e pergunta: – Ó cigano! Para que é a fogueira? – Então o seu guarda não vê que me estou aquecendo! O polícia, desconfiado, olha para as penas e diz: – E as penas? – Ah,…é que as galinhas foram tomar banho e pediram para tomar conta da roupa!…

Um cigano, no tribunal: -Eu não o matei, senhor doutor juiz. Eu apenas lhe dei com uma cachaporrinha na cabeça. Mas o malandro era tão mau, tão vil, que até se deixou morrer só para me encravar.

Um gago desembarca no Rossio, aflito, e dirige-se a um transeunte: – Pó-pó-pó-pó-de de-di-dizer-me a-a-aonde é a ca-ca-casa de-de ba-banho? – O se-se-senhor v-v-va-va-vai por esta r-r-rua,vó-vó-volta à-à-à s-s-sua es-es-esquerda,de-de-depois à-à s-s-sua di-direita,a-a-anda uns ce-cem m-me-me-metros e-e-e no-no largo há-há u-u-ma ca-ca-casa de ba-banho. – Mui-mui-tô-obrigado,mas já-á-á ca-caguei n-na-nas calças.

O instrutor de paraquedistas: – Contam todos até dez para abrirem o pára-quedas, OK??? No ar, já todos com o pára-quedas aberto, começa a cair um vertiginosamente. Diz outro: – Olhem, lá vai o gago…

Vai uma loira a uma loja de electrodomésticos e diz assim: olhe eu quero este televisor; o homem diz assim: não vendo isto a loiras. A loira toda chateada vai ao cabeleireira e pinta o cabelo de várias cores chega lá á tal loja e diz assim: olhe eu quero este televisor! O homem chega lá e diz: não vendo isto a loiras e a mulher chega lá e diz olhe mas não tá a ver que eu não sou loira!? Mas ó minha senhora isto não é um televisor, é um microondas!!!

Filosofia alentejana: – Penso, logo exausto!

Durante a guerra do golfo um americano, um inglês e um alentejano encontram-se. Diz o americano, mostrando uma cicatriz no braço: – Isto foi, Kwait City! Diz o inglês, mostrando uma cicatriz na perna: – Isto foi, Bagdad City! Diz o alentejano, mostrando uma cicatriz na barriga: – Isto foi, ‘apendiciti’!

Dois Alentejanos resolvem ir a Lisboa passear! Quando chegam lá, o que resolvem fazer? Ir às “meninas”. Chegam a um bordel, e depois de terem escolhido as “meninas”, vão para o quarto. Quando já estavam quentes e preparados para o “catra-pau-pimba”, diz a “menina”, ao dar-lhe uma camisinha para a mão: – ” Olha tens que usar esta coisinha, tá bém?” – ” Atão porquêi?” – ” Isto é para não ficarmos grávidas!” – ” ‘Tá bém, pode sêri!” Bem, depois de terem acabado, foram embora p’rá terra. Encontram-se duas semanas mais tarde e diz um para o outro: – ” Ó Cumpadre, aquelas Lisboetas pá! Aquilo é que foi.” – ” Se foi, ê dê duas trancadas, comê nunca tinha dado na vida!” – ” Olhe lá, vocemecêi importa-se qu’elas engravidem?” – ” Ê não! Quero lá saberi!” – ” Atão vamos tirar estas porras qu’há quinze dias quê na mijo!”

Há dois alentejanos que vão à feira de Beja e compram dois porcos, um para cada um. Então, chegam à aldeia e metem os dois porcos na mesma pocilga. Entretanto, anoitece e um dos compadres começa-se a lembrar: – “Os dois porcos estão na pocilga. Temos que fazer um sinal aos porcos para saber qual é o porco de um e o porco do outro.” No outro dia, diz um compadre para o outro: – Compadre, temos que fazer um sinal aos porcos para saber qual é o porco de um e o porco do outro! – Tá bem! No outro dia encontram-se, e diz um para o outro: – Então compadre, já fez o sinal ao porco? – Já sim senhor! Cortei-lhe metade do rabo. – Ó compadre, você não quer lá ver que eu fiz o mesmo ao meu?! – Não há problema compadre! A gente faz outro sinal. No outro dia: – Então compadre, qual foi o sinal que fez desta vez ao porco? – Olhe compadre, cortei-lhe metade da orelha direita! – Ó compadre, você não quer lá ver que eu fiz o mesmo ao meu?! – Mas olhe! Deixe lá isso, você fica com o branco que eu fico com o preto!…

Dois alentejanos, fartos de sopa de feijão com massa, decidem ir visitar Lisboa para comer qualquer coisa diferente. Chegam a um restaurante e sentam-se, o empregado dá-lhes o menu e diz um para o outro: – E agora? Nós não sabemos ler, como é que vamos escolher uma coisa para comer? – Vamos apontar para um qualquer e vamos ver o que nos calha! Apontaram para o menu mostrando ao empregado que logo se dirigiu para a cozinha. O empregado chega e põe-lhes uma sopa de feijão com massa à frente! Eles tinham logo escolhido no menu a sopa de feijão com massa! Então olharam para a mesa do lado e viram um casal a comer um delicioso bitoque, depois a mulher levanta-se , vai ao balcão e diz “Bis” e o empregado dá-lhe outro bitoque. Ora, os alentejanos, viram aquilço e foram logo ao balcão, chegaram lá e \”bis\”, e o empregado dá-lhes outro prato de feijão com massa, coitados! Então os alentejanos resolvem, visto que não conseguem comer nada, ir à ópera. A cantora canta muito bem e no fim a multidão grita: “Bis, Bis, Bis”. Um alentejano aflito diz ao outro: – Vamos mas é sair daqui senão ainda nos dão mais sopa de feijão com massa!

Um alentejano apanha um comboio para ir ao Porto e senta-se ao lado de um senhor muito bem vestido. O alentejano começa a olhar e pergunta: – Por acaso você nunca apareceu na televisão? Ao que o Sr. responde: – Sim, eu costumo ir a muitos concursos de cultura geral e por isso o Sr. deve-me conhecer daí. Como a viagem vai ser longa, você por acaso não quer fazer um jogo comigo? – Pode ser. – Respondeu o alentejano. – Então fazemos assim: como eu tenho mais cultura que o Sr., você faz-me uma pergunta sobre um assunto qualquer e se eu não souber responder, dou-lhe 50 euros. A seguir faço-lhe eu uma pergunta e se não souber a resposta, dá-me só 5. Concorda? – Vamos a isso. – Respondeu o alentejano confiante. – Então eu faço-lhe a primeira pergunta. Diga-me o nome da pessoa que escreveu “Os Lusíadas”, aquele poeta só com um olho, que dignificou Portugal? O alentejano começa a pensar e passados alguns instantes diz: – Nã sei. Ê nã sei leri. – A resposta era Luís de Camões. Dê-me os mil escudos e faça-me uma pergunta qualquer. – Tomi. Bem, qual é o animali que se o encostar a um chaparro sobe-o com quatro patas e desce-o com cinco patas? – Olhe, essa nem eu sei. – Respondeu o homem muito admirado. – Então passe para cá os 50 euros. – Tome. Mas agora diga-me, que animal é esse? – Tamém nã sei. Tome lá 5.

Era uma vez, um pastor que tinha, naturalmente, um rebanho de ovelhas e o respectivo carneiro para assegurar a continuidade do rebanho. Ora aconteceu um dia uma fatalidade ao carneiro. Deu-lhe uma doença qualquer e morreu, facto que deixou o pastor muito aflito. Foi então ter com um pastor vizinho e contou-lhe o sucedido: – Pois_ amigo, nem queira saber, estou muito preocupado pois morreu-me o meu carneiro e está a aproximar-se a época do cio por isso vim falar consigo a ver se me emprestava o seu carneiro para fazer a cobrição das ovelhas senão fico desgraçado. – Ó compadre, pois não precisa ficar assim preocupado. Olhe não lhe posso emprestar o carneiro porque também não o tenho nem preciso. – Não precisa? Então como é que faz? – É muito simples: Quando chega a época agarro nas ovelhas, levo-as para o monte, para um sítio assim a modos que isolado, que não tenha ninguém à volta, entende? E depois sou eu próprio que faço a cobrição, simples! – Não me diga, compadre! E resulta? Como é que sabe depois quais são as ovelhas que estão cobertas? – Se resulta! É muito simples: De manhã levanto-me e vou à janela. As ovelhas que estiverem ao sol, não ficaram cobertas. As que estiverem à sombra, ficaram! E o pastor, acreditando naquelas tangas todas, assim fez. Meteu as ovelhas todas em cima da camioneta e levou-as para o monte onde ele próprio se dispôs a fazer o serviço que deveria ser feito pelo carneiro… Chegou a casa estafadíssimo e tarde, já se vê🙂 nem quis comer nem nada. A mulher ficou um pouco admirada mas não disse nada. Até que no outro dia de manhã mais admirada ficou quando já manhã ia avançada e o marido ainda a dormir, nem tinha feito a ordenha nem nada: – Ó Maneli! Acorda hóme que já é tarde! – Ó Maria já vou. Olha faz-me um favor, vai ali à janela e diz-me quantas ovelhas estão à sombra! – Olha, à sombra não está nenhuma. Estão todas ao sol. Não tinha dado resultado. De modo que, toca a carregar novamente as ovelhas para cima da camioneta monte acima até um sítio isolado e toca de … bem, já sabem a fazer o quê às pobres das ovelhas. Volta a casa ainda mais fatigado; chegou e pôs-se logo a dormir, a mulher já começava a desconfiar, mas mesmo assim não se manifestou. De manhã, já tarde, meio ensonado, diz para a mulher: – Ó Maria, vê-me lá se está alguma ovelha à sombra e vem-me dizer. – Ó Maneli, não está nenhuma nem à sombra nem ao sol! Estão todas em cima da camioneta!_

Era um jogador de futebol, que nunca na vida tinha falhado um penalty, devido aos grandes efeitos que ele transmitia à bola. Devido a esse facto, era sempre chamado para converter as penalidades. Um dia, num jogo importante, há um penalty, ele é chamado a converter, e o guarda-redes adversário consegue agarrar a bola. Os colegas todos, foram logo ter com ele, para saber o que se passava. Ele responde: – Esperem até ele bater com a bola no chão.

Aquele homem tinha a mania de perseguição. Tudo perturbava o coitado. Um dia, chega ao serviço cheio de olheiras, uma cara daquelas. Um colega quer saber: – Epa, Ricardo! O que aconteceu? – Esta noite, não consegui dormir! – Porquê? Que aconteceu? – Uma música perturbou-me muito! – E o que era? – Era o canto do quarto! Ainda sonolento: – Eh, e depois começaram os sons no guarda fatos…eram BLEIM BLEIM BLEIM. – E o que era? – Eram as calcas de boca-de-sino… – Que noite hein? – E se não bastasse… ouvi sons do tipo ARF! ARF! ARF! ARF! – Mas o que era desta vez? – O corredor estava a treinar para a S. Silvestre…

Um homenzinho chega a casa e avisa a mulher para fazer o jantar mais cedo, para tomar banho, para se perfumar, pôr-se toda jeitosa e ir para a cama e que esperasse lá por ele que ele tinha visto uma coisa num filme que era capaz de ser engraçada experimentarem. A mulher ficou curiosa e perguntou-lhe que raio de coisa era aquela que ele tinha visto no filme. E ele lá lhe explicou que tinham de arrastar a cama para a frente da porta do quarto, que ela tinha de estar muito quietinha lá na cama à espera dele porque ele ia vir a correr desde a ponta do corredor, saltar por cima da cama e depois que lá se iam ajeitar para fazerem aquilo … Ela concordou … Comeram, ela lavou-se, penteou-se, perfumou-se e foi deitar-se. Ele foi para o fundo do corredor todo armado em atleta, ia a chegar à porta do quarto, mesmo quando ele se estava a preparar para saltar atravessa-se-lhe o gato à frente. Coitado do homem nunca tinha dado um trambolhão tão grande, manda uma cabeçada no fundo da cama e fica ali a gemer como um perdido: – Ai ai ai ai ! Vira-se a mulher muito má para ele: – Ouve lá! Mas afinal que raio de f…. é esta que só tu é que sentes ?

Havia um senhor muito bêbado que era casado com uma rapariga muito mais nova. E então, em vez de fazer a sua “obrigaçãozinha” lá em casa, aparecia sempre bêbado. Um dia foram passear pela rua e o homem, ao ver uma taberna, diz: – Olha uma taberna! Vou entrar!… Entrou na taberna e bebeu uns copos. Mais à frente encontrou outra taberna e disse: – Olha outra taberna! Vou entrar!… Entrou na taberna e bebeu mais uns copos. E durante o passeio, o homem continuou a entrar numa série de tabernas. Passados uns dias, o homem chegou sóbrio a casa. A mulher, ainda que desconfiada, pensou: – “Péra lá! É capaz de ser hoje!” Chegou à noite e o homem, com um ar romântico, dá-lhe um beijo na testa. Pensa a mulher: – “Queres ver que é mesmo hoje?!” O homem continua com os beijinhos e dá-lhe um beijo no queixo. A mulher delirava de contente! O homem continua a descer e dá-lhe um beijo no umbigo. – Sim, sim! – Dizia a mulher. De seguida, o homem dá-lhe um beijo no joelho e,… Deixou-se dormir. Diz-lhe a mulher irritada: – Porra! Se fosse uma taberna tinhas entrado!…

Havia uma família de ciganos que o marido chegava a casa e os filhos estavam todos a chorar com fome. E a mulher dizia sempre assim: – Então Joaquim, o que trouxestes hoje p’ra gente comer? – Não trouxe nada! – Então os miúdos estão a chorar com fome?! – ‘Peraí’ que eu vou já resolver! Chama lá o mais ‘pecanino’! Ele puxa uma cadeira, pôs o miúdo ao colo e diz: – Então filho?! O que é que dizias agora a um bife com batatas fritas? – Ai, meu pai! Era tão bom! – Ah, então depois uma sopa assim bem quentinha?! – Ai, era uma maravilha! – Ah, e depois da sopa assim um gelado?! O miúdo não disse nada. O cigano, ao ver que este já estava a dormir diz: – Maria, traz-me outro que este já jantou!

Um sujeito muito gordo e outro muito magro conversam:
– Como é que você consegue se manter assim tão magrinho?- É que eu sou solteiro, e quando chego em casa, vou direto para a geladeira, como não tem nada que preste lá, vou para cama.- E você, porque é tão gordo?- É que eu sou casado, e quando chego em casa, vou direto para a cama, como não tem nada que preste lá, vou para a geladeira.

Um homem está entrando no chuveiro enquanto sua mulher acaba de sair e está se enxugando. A campainha da porta toca. Depois de alguns segundos de discussão para ver quem vai atender, a mulher desiste, se enrola na toalha e desce as escadas.Quando ela abre a porta, vê o vizinho Chico em pé na soleira. Antes que ela possa dizer qualquer coisa, Chico diz:- Eu lhe dou 800 reais se você deixar cair esta toalha.Depois de hesitar alguns segundos, a mulher deixa a toalha cair e fica nua. Chico então entrega a ela os 800 reais e vai embora.Confusa, mas excitada com sua sorte, a mulher se enrola de novo na toalha e volta para o quarto. Quando ela entra no quarto, o marido grita do chuveiro- Quem era?- Era o Chico, o vizinho. – diz ela.- Que bom! Ele entregou os 800 reais que estava me devendo?

Uma mulher mal encarada e muito, mas muito feia, entra nas Lojas Americanas com duas crianças.O gerente da loja pergunta para a mulher:- São gêmeos?A mulher, fazendo uma careta com que fica ainda mais feia disse:- Não idiota, o mais velho tem 9 e a mais nova tem 7. Porque?…Você realmente os acha parecidos?- Não – diz o cara – eu só não acreditava que você foi comida duas vezes!

Um tipo passou por tudo o que era sinal vermelho. Um polícia mandou-o parar e disse:-Bonito, hein?-Bonito e veloz!Sabe que posso tirar-lhe a carta de condução?-Não vejo como. Eu ando há dois anos a ver se a tiro e ainda não consegui.-Engraçadinho cheio de humor. e o cinto de segurança?-Está no porta mala a segurar uma botija de gáz.Então o polícia, já irritado, perguntou à fulana que ia ao lado:- Ele é sempre assim engraçadinho e cheio de humor?-Não, senhor guarda, só quando está bêbado!

Julho 5, 2007 - Posted by | Passatempos/Lazer | , ,

Ainda sem comentários.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: